Se houve prejudicados com a descolonização? Houve, com certeza! Alguns mesmo muito prejudicados. Existia, contudo, um guião da História do Ocidente para cumprir que os governantes do Estado Novo ignoraram, assim como, é preciso dizê-lo, as centenas de milhares de portugueses que por terras africanas faziam a sua vida. O guião devia cumprir-se, era imperioso, assim ditavam os ventos que fazem a História e, apesar do atraso e dos custos inerentes, cumpriu-se.